Segurança
20/02/2019 5 min

Tempo de leitura

8 dicas de como fazer compras on-line com segurança

Confira e aproveite os bons preços que a internet oferece

Pesquisar os melhores preços em várias lojas, comparar diferentes produtos, saber a opinião dos outros clientes e fechar a compra, tendo a certeza de que fez um ótimo negócio. O que antes levava tempo e dinheiro, agora pode ser feito no mesmo dia – às vezes, na mesma hora: é só fazer compras online. E é assim que 52 milhões de brasileiros fizeram compras em 2018, segundo o Relatório de Comércio Eletrônico da Ecommerce Foundation. De acordo com o levantamento, seis em cada dez compras realizadas hoje no país são online, sendo que até 2022, 40% serão feitas pelo celular.

Melhor do que achar o que se quer por um preço vantajoso, é poder aproveitar tudo o que a compra online oferece: variedade, tranquilidade e o conforto de poder escolher os mais diversos produtos e serviços com um clique, além de ter acesso a informações importantes como saber se aquela loja tem bom atendimento, se trata bem o cliente, se entrega na data contratada e segue o código do consumidor. Tudo isso pode ser checado on-line.

A Safernet, uma entidade de referência nacional que defende os direitos humanos na internet, dá dicas para ajudar você a fazer boas escolhas para ter compras seguras.

Confira:

  1. Faça pesquisas para se assegurar de que a loja é legítima. Se é um e-commerce que você não conhece, uma busca rápida pelo Google pode indicar se é um comércio conhecido, confiável ou se tem muitas reclamações. Consulte também a lista de sites de compras online vetados pelo Procon e o Reclame Aqui.
  2. Se certifique que o site é seguro, especialmente na área de processamento do pagamento. Cheque se ao lado do endereço eletrônico, bem no início, antes do https, tem o desenho de um cadeado, isso é sinal de que o site é certificado como seguro.
  3. Mantenha sempre os programas, sistema operacional, Android ou iOS, e antivírus atualizados, e crie uma senha forte para as compras online, de preferência com oito dígitos, em uma combinação de letras e números.
  4. Verifique a política de envio e entrega de mercadorias e trocas do site. Não esqueça que o Código de Defesa do Consumidor garante ao cliente o direito de desistir da compra e devolver a mercadoria comprada pela internet em até sete dias após o recebimento. A contagem do prazo de 7 dias não é interrompida nos finais de semana ou feriados. Isso vale para qualquer compra que não seja presencial, em lojas físicas.
  5. É importante que o consumidor guarde um comprovante da operação e compra, seja e-mail, tela copiada ou número de protocolo, dados do atendente e horário de atendimento, no caso de chats.
  6. Não use redes públicas de wi-fi para fazer a compra, a menos que você tenha instalado uma ferramenta de segurança confiável.
  7. Dê preferência a sistemas de pagamento mais seguros, como cartão de crédito, PayPal, Mercado Pago, e outros similares.
  8. Desconfie de preços muito abaixo da média do mercado, os produtos podem ser falsificados, não ter nota fiscal ou garantia.

Agora que que você tem as informações em mãos para se proteger, é só ir às compras com responsabilidade!

VOLTAR

Gostou da notícia? Esse artigo te fez pensar diferente?

Curta quantas vezes quiser e mostre o quão relevante foi esse conteúdo pra você!

Conta pra gente o que você achou e comece uma conversa!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados