Comportamento
07/03/2018 5 min

Tempo de leitura

Uma inspiração para reflexão no Dia da Mulher

Lisiane Lemos, jovem, negra e bem-sucedida

No Dia da Mulher, nada como se inspirar em uma mulher negra e jovem que nascida em uma família de funcionários públicos em Pelotas, no Rio Grande do Sul, ganhou o mundo e foi parar nas páginas da Forbes como uma entre os 91 jovens mais influentes no Brasil com menos de 30 anos, além de ocupar um cargo na área de tecnologia de uma multinacional. Especialista em soluções tecnológicas da Microsoft, ela integra várias organizações sociais e programas que conectam profissionais negros a empresas e movimentos sociais e defende a criação de mais projetos de inclusão e diversidade de gênero, étnico-racial e orientação sexual. 

Em sua rotina de trabalho e reuniões com entidades, vê crescer a presença da mulher no mercado tecnológico, inclusive em cargos de gerência e até de liderança, mas o fato de quase não encontrar mulheres negras em carreiras de tecnologia a motiva a se colocar como exemplo para atrair mais meninas e conseguir transformar o mercado. Em um país, em que 88% das mulheres brasileiras têm dupla jornada de trabalho, Lisiane defende a criação de políticas de igualdade e respeito à diversidade.

Em entrevista ao Dialogando, Lisiane fala da mulher no mercado tecnológico, suas conquistas e como as empresas têm desenvolvido programas para a inclusão de pessoas do sexo feminino em postos de lideranças. Assista ao vídeo:

VOLTAR

Gostou da notícia? Esse artigo te fez pensar diferente?

Curta quantas vezes quiser e mostre o quão relevante foi esse conteúdo pra você!

Conta pra gente o que você achou e comece uma conversa!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

8 Comentários

  • monique says:

    gostei do seu site muito interessante o conteúdo, queria te dar os parabéns e dizer que vou acompanhar mais vezes para saber sempre as novidades. Bjus

    • Dialogando says:

      Obrigado por seu comentário, Monique! Confira as outras matérias no nosso portal. 🙂

  • mariana says:

    gostei muito bom!

  • Laurier silva de oliveira says:

    Que representatividade para as meninas que estão começando, precisamos muito dessa sonoridade e desta representatividade. Como ela mesma usou “A gente só sonha quando a gente vê” parabéns !

    • Dialogando says:

      Ótimo comentário, Laurier! Mulheres representadas na tecnologia inspiram meninas todos os dias!

  • marina says:

    Excelente vídeo! Representatividade é tudo, eu mesma escolhi a carreira de engenheira eletricista com foco em telecom por ter visto uma grande aluna de engenharia que morava próxima a minha casa e me reacendeu a vontade de cursar tecnologia, eu vi que podia. Muito importante a Telefonica incentivar o crescimento de carreira das mulheres!

    • Dialogando says:

      Adoramos a sua história, Marina! Queremos ver cada vez mais mulheres em carreiras de tecnologia! 👏😉

Artigos relacionados