imposto-de-renda-digital imposto-de-renda-digital

Imposto de Renda: sabia que a declaração é 100% digital?

Imposto de Renda: sabia que a declaração é 100% digital?

Neste ano, a Receita Federal espera receber 32 milhões de declarações do Imposto de Renda da Pessoa Física até dia 30 de abril, quando o prazo para enviar seus comprovantes referentes a 2019 se encerra. Mas nem sempre foi fácil entregar a declaração — que hoje é 100% digital!

Em 1991, com a chegada e a popularização dos computadores pessoais, a declaração passou a ser feita via disquetes. Antes disso, a única maneira de declarar bens e ganhos anuais era por meio de um formulário impresso, com preenchimento manual.

A partir de 1997, a declaração podia ser enviada via internet, além da entrega manual do formulário, que foi extinguido de vez em 2010. A partir da década passada, os contribuintes só podiam entregar suas declarações on-line, utilizando o programa criado pela Receita Federal, que deve ser baixado e instalado no computador.

Em 2013, mais uma inovação: tablets e smartphones receberam aplicativos oficiais para realização da declaração anual. Assim, o Imposto de Renda atingiu o cenário atual com a declaração em formato 100% digital, incluindo dispositivos mobile com versões para Android e iOS.

imposto-de-renda-digital

Como baixar e instalar o programa do Imposto de Renda

O site da Receita Federal disponibiliza o programa de forma gratuita para download. Vale ressaltar que é necessário baixar e instalar um programa para cada ano de declaração, ou seja, não é possível enviar a declaração de 2020 na versão de 2019.

As instruções de preenchimento para as declarações estão disponíveis a partir do menu Ajuda ou acionando a tecla F1 no campo desejado. Além disso, no site da Receita Federal existem páginas específicas de ajuda, com instruções e perguntas frequentes.

O programa também permite que você inicie o preenchimento por um meio e finalize de outro. Por exemplo: é possível preencher os dados pelo computador e enviar posteriormente pelo smartphone. Isso porque o programa, que está conectado à internet, salva suas informações na nuvem até o momento de envio final.

Assim, se por algum motivo o contribuinte não conseguir preencher todos os dados no mesmo dia, o trabalho já realizado não é perdido!

É importante lembrar que o Imposto de Renda lida com dados bancários e informações pessoais. Evite preencher sua declaração em computadores de uso público ou conectados a redes Wi-Fi desconhecidas.

Fonte: Dialogando - Imposto de Renda: sabia que a declaração é 100% digital? (2020)

Deixe uma resposta

O campo mensagem deve conter pelo menos 3 caracteres
Imposto de Renda: sabia que a declaração é 100% digital? 2020-03-09 11:17:12
Newsletter

Receba nossas notícias e fique por dentro de tudo ;)