fake news fake news

Mês da Internet Segura: #TemConversaPraTudo EP.3 [Parte 1]

Campanha: A internet não é um jogo

Mês da Internet Segura: #TemConversaPraTudo EP.3 [Parte 1]

A tecnologia nos beneficiou com a oportunidade de acesso a conteúdos distintos, em velocidade até pouco tempo jamais imaginada. No entanto, essa facilidade trouxe um potencial de difusão de (des)informação no mesmo ritmo e proporção.

O mundo viveu, recentemente, novas ameaças promovidas pela disseminação das fake news desde o surgimento do coronavírus, na China.

Segundo dados do estudo ‘Análise de fake news veiculadas durante a pandemia de COVID-19 no Brasil’ elas foram disseminadas principalmente por meio do WhatsApp e do Facebook, com utilização de mensagens, imagens e vídeos que tiveram maior alcance nas regiões Sudeste e Nordeste do país.

As categorias temáticas mais frequentes foram de ordem:

a) Política: a exemplo dos governantes que falsificaram informações sobre a vacinação contra a Covid19 – 20,01%;

b) Epidemiológica e estatística: proporção dos casos e óbitos – 19,5%;

c) Preventiva: 16,1%.

De acordo com o Google, houve um aumento de 34,3% nas buscas que utilizavam termos presentes nas fake news.

Por aqui, a campanha de desinformação boicotou, por vezes, o distanciamento social. Promoveu tratamentos sem eficácia comprovada e mentiu sobre os efeitos das vacinas – ainda que os imunizantes venham sendo a melhor resposta da ciência pela manutenção de bilhões de vidas, segundo estudos promovidos por centenas de entidades dos 5 continentes do planeta.

O enfrentamento desse mal – que coloca em xeque a democracia e o bem-estar de toda a sociedade – depende dos esforços coletivos de todos nós.

E a boa notícia é que estamos mais alertas quanto à veracidade das informações recebidas, sim! No entanto, não é hora de comemorar. Os desafios ainda são muitos, especialmente em 2022, ano que promete fortes emoções no âmbito eleitoral.

Por isso, no bate-papo deste #TemConversaPraTudo, que se soma ao Mês da Internet Segura, convidamos uma personagem expoente da luta pela liberdade de expressão e a construção de ambientes digitais seguros.

Prepare-se, porque ela só traz verdades!

A convidada da vez

Falamos de Patrícia Blanco, Presidente do Instituto Palavra Aberta, entidade que trabalha pela liberdade de imprensa e de expressão há mais de dez anos.

Só que, antes de tudo, a executiva se considera “idealista e otimista”. Ama as batalhas que trava em missão por um mundo mais igualitário e justo e, dentre tantos projetos, fala, com o peito cheio, do EducaMídia –  programa criado pelo Palavra Aberta para a capacitação de professores e o engajamento da sociedade no processo de educação midiática de jovens, adultos e pessoas da terceira idade.

Blanco atua desde 1990 nas áreas de Comunicação e Relações Governamentais – Planejamento Estratégico, Comunicação Integrada, Assessoria de Imprensa e Relações Públicas. 

Dito tudo isso, perceba que, se você ainda não deu o play no vídeo, a hora é agora!

Fonte: Dialogando - Mês da Internet Segura: #TemConversaPraTudo EP.3 [Parte 1] (2022)

Deixe uma resposta

O campo mensagem deve conter pelo menos 3 caracteres
Mês da Internet Segura: #TemConversaPraTudo EP.3 [Parte 1] 2022-02-23 11:15:05
Newsletter

Receba nossas notícias e fique por dentro de tudo ;)