Inovação
05/07/2016 2 min de leitura

Tempo de leitura

Dinheiro ou cartão? Prefiro celular!

Para alguns entusiastas da tecnologia, a popularização do pagamento via celular é uma questão de tempo.

Imagina um mundo sem cartão ou dinheiro. Imagina a facilidade de efetuar todas as suas transações com o seu smarthphone. Imagina efetuar pagamentos somente encostando o celular em uma máquina. Imagina a segurança e comodidade disso. Agora pare de imaginar e espere. Para alguns entusiastas da tecnologia, a popularização do pagamento via celular é uma questão de tempo.

A tecnologia existe desde 2010 e já é muito popular no Japão. A forma de pagamento via celular utiliza do cartão de crédito ou conta bancária para o pagamento, o telefone é somente um meio. Você faz a transação ao segurar seu smarthphone próximo à máquina de pagamento (aquela mesma que nós passamos o cartão). O sistema utiliza do NFC – Near Field Communication – tecnologia que permite a troca de informações entre dispositivos sem a necessidade de cabos ou fios (wireless), sendo necessária apenas uma aproximação física.

Bancos, fabricantes de celular e máquinas de pagamento precisam estar em sinergia para o crescimento dessa forma de pagamento. As produtoras de aparelhos telefônicos já estão produzindo aparelhos pensando nisso. Samsung Pay, Apple Pay e Android Pay são exemplos de tecnologias desenvolvidas para esse sistema de pagamento. As maiorias das máquinas de pagamento já possuem o sistema NFC, embora, quase todas venham com essa função desabilitada de fábrica, basta habilitá-la. Segundo números divulgados pela Cielo, mais de 70% da sua rede de terminais de pagamentos está preparada para uso da tecnologia NFC.

Enquanto a tecnologia é desenvolvida pelas as partes interessadas, também será necessária uma aceitação ou adaptação por parte do público. É necessário que o usuário perceba que ele pode usar o celular para pagar várias coisas no dia a dia, o pão na padaria ou a gasolina no posto. E é preciso ser simples para que todas as gerações façam uso da tecnologia. A vó tem que ser capaz de usar para pagar a feira, ou seja, não pode ser algo restrito para quem tem intimidade com tecnologia para ser popular. Enquanto isso não acontece, dinheiro ou cartão?

VOLTAR

Gostou da notícia? Esse artigo te fez pensar diferente?

Curta quantas vezes quiser e mostre o quão relevante foi esse conteúdo pra você!

Conta pra gente o que você achou e comece uma conversa!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados