cibercrimes-nos-games cibercrimes-nos-games

Saiba como jogar com segurança e evitar cibercrimes nos games

Saiba como jogar com segurança e evitar cibercrimes nos games

Após uma longa semana, sentar em frente à TV ou notebook pra jogar videogame com os amigos é sinônimo de diversão para muita gente. Segundo a Pesquisa Game Brasil de 2019, 66% dos brasileiros entrevistados consomem jogos, seja no videogame, computador ou mesmo no smartphone.

Com a tendência crescente dos games online — em que vários amigos podem interagir sem necessariamente estarem próximos — é importante se preocupar com a segurança e privacidade de dados pessoais. Afinal, como qualquer dispositivo que está conectado à internet, os jogos oferecem riscos, caso não haja barreiras e proteções contra cibercriminosos.

Como acontecem cibercrimes em jogos online?

Na maioria dos jogos online, é necessário um cadastro inicial contendo informações pessoais do jogador, como nome completo, endereço de e-mail e data de nascimento. Cibercriminosos podem enviar e-mails falsos aos jogadores requisitando informações complementares, como, por exemplo, senhas, dados bancários e de cartões de crédito.

Isso acontece, pois muitos jogos oferecem a possibilidade de compras dentro do próprio jogo. Seja de itens necessários para a narrativa do game, customizações para os personagens ou habilidades complexas que auxiliam em batalhas e desafios.

Uma vez tendo invadido a conta do jogador, o cibercriminoso toma posse de todos os itens comprados, podendo vendê-los em leilões digitais especializados em games ou, até mesmo, chantageando o jogador a pagá-lo para recuperar a conta.

“O motivo pelo qual acreditam que a indústria dos jogos seja um atrativo é que criminosos podem facilmente trocar itens dentro do jogo por dinheiro”, diz Martin McKeay, investigador de segurança da empresa de tecnologias Akamai, para o site CISO MAG. “Além disso, o público gamer é um nicho demográfico conhecido por gastar dinheiro, então o status financeiro também é tentador”, explica.

cibercrimes-nos-games

Como detectar os cibercriminosos?

Entender como criminosos agem dentro dos jogos online é o primeiro passo para aproveitar a diversão de maneira segura. Além de e-mails falsos, existem outras formas de contato que devem ser evitadas, segundo José Matias Neto, diretor de Suporte Técnico da Intel Security em entrevista ao site IT Forum:

  • Nunca baixe jogos e aplicativos que não sejam de lojas e desenvolvedoras oficiais. De outra forma, não é possível saber se há algum vírus ou conteúdo malicioso que podem infectar seu dispositivo;
  • Não deixe os dados de seu cartão de crédito salvos automaticamente em jogos online. Se precisar fazer uma compra, é importante que os números de sua conta ou senha não sejam guardados pelo servidor ou aplicativo;
  • Use apelidos e pseudônimos, evitando expor sua identidade real dentro do jogo;
  • Na hora de criar o cadastro em um jogo novo, utilize senhas fortes e não as repita em nenhum outro lugar.

Para se divertir em um jogo online com segurança, é importante estar atento aos jogadores à sua volta. Se você se deparar com um possível cibercriminoso online, entre em contato com a página oficial e o denuncie. Uma vez reconhecido, o criminoso é banido do jogo pela própria desenvolvedora. Além disso, sempre leia os termos de segurança do game e divirta-se com segurança. 😉

Fonte: Dialogando - Saiba como jogar com segurança e evitar cibercrimes nos games (2020)

Deixe uma resposta

O campo mensagem deve conter pelo menos 3 caracteres
Saiba como jogar com segurança e evitar cibercrimes nos games 2020-02-17 16:06:19
Newsletter

Receba nossas notícias e fique por dentro de tudo ;)